Technical Debt of the West

Baseado no livro The Tao of Philosophy, esse artigo estuda a filosofia ocidental a partir das suas diferenças com a chinesa, e elabora a tese de que, enquanto a filosofia chinesa vê as coisas como organismos, a ocidental vê as coisas como mecanismos. A partir disso, exemplifica como isso nos influencia e como poderíamos crescer ao ver entidades como o governo, a tecnologia, o software e o cérebro também como organismos, em complemento à nossa perspectiva mecanicista.